Amarante: 50 anos do 25 de Abril nos ateliês de Páscoa

Edifício-sede da Biblioteca Municipal Albano Sardoeira, em Amarante.

A Biblioteca Municipal Albano Sardoeira (BMAS) e o Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso (MMASC) acolhem os ateliers de Páscoa que, nesta edição, celebram os 50 anos do 25 de Abril.  

A Biblioteca Municipal Albano Sardoeira – BMAS e o Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso – MMASC acolhem os ateliês de Páscoa que, nesta edição, celebram os 50 anos do 25 de Abril, anunciou a autarquia em nota de imprensa.  

“Estados de Liberdade” é o nome da atividade destinada a crianças e jovens dos 6 aos 16 anos. Assim, de 25 a 26 de março, na BMAS e de 27 a 28 de março no MMASC, a Revolução dos Cravos estará em destaque, das 9h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h00. Os participantes terão assim a oportunidade de celebrar e explorar os valores fundamentais da liberdade e da democracia.

Nos dois primeiros dias, 25 e 26 de março, na BMAS, serão realizadas atividades que ajudarão a compreender o significado e a importância do 25 de Abril. Conceitos como liberdade, censura e igualdade serão explorados através de histórias, jogos e discussões interativas onde os participantes irão aprender como esta revolução mudou o curso da história de Portugal e o que significa viver em liberdade.

A 27 e 28 de março, o MMASC é o local escolhido para explorar a expressão artística, com enfoque no surrealismo. Inspirados por esta corrente artística, a proposta é conhecer uma técnica de desenho inventada, nos anos 20, pelos artistas surrealistas e criar obras de arte, que expressarão o conceito de liberdade na criação artística. No final, os trabalhos individuais unir-se-ão, para formar uma obra única, simbolizando o esforço da união na busca da liberdade.

No Polo de Vila Meã da Biblioteca Municipal será tempo de “Dar Voz à Liberdade”, de 25 a 28 de março, das 14h00 às 16h30, para crianças dos 5 aos 12 anos. 

Tendo por base o livro “Avó, onde é que estavas no 25 de Abril?” com texto de Ana Markl e ilustrações de Christina Casnellie, a proposta para celebrar esta efeméride é destacar os principais eventos, personagens e ideologias de forma lúdica, estimulando a curiosidade e a criatividade das crianças sobre a Revolução dos Cravos, tão importante para o País. 

Cada atividade tem um custo de dois euros e as inscrições devem ser feitas em forms.cm-amarante.pt. 

CONTINUAR A LER

Deixe um Comentário

Pode Também Gostar