Câmara de Amarante compra Minas de Vieiros

Nas galerias da mina são ainda visíveis (abandonadas) máquinas e ferramentas usadas na exploração, como este trator (Foto AM)

A Câmara Municipal de Amarante anunciou, em comunicado de imprensa, ter concluído, a 30 de dezembro passado, o processo de aquisição das Minas de Vieiros, na serra da Meia Via, que tinha sido iniciado em 2013.

Aquelas minas, situadas na freguesia de Rebordelo, mas que integram também área de Fridão e da ex-freguesia de Canadelo (hoje integrada na União de Freguesias de Olo e Canadelo) cessaram a sua laboração no início da década de 1970, depois de terem tido o seu apogeu durante a segunda guerra mundial, com a extração de volfrâmio.


No seu comunicado, a Câmara de Amarante informa que a aquisição foi feita pelo valor de 80 mil euros, salientando o interesse público do investimento efetuado, “pela sua vertente patrimonial, paisagística, ambiental e histórica”. “A reconversão do espaço das Minas de Vieiros, a anunciar em breve, ​representa a materialização da visão do município no que respeita à coesão territorial e ​à promoção do território da designada ‘baixa-densidade’ em Amarante”, conclui o comunicado. 

CONTINUAR A LER

Deixe um Comentário

Pode Também Gostar