Cercimarante cria Apoio Domiciliário para deficientes

Cercimarante cria serviço de apoio domiciliário a pessoas com deficiência.

A Cercimarante iniciou o processo de sinalização de eventuais casos de pessoas que possam vir a necessitar da intervenção do Serviço de Apoio Domiciliário (SAD), um novo serviço a disponibilizar, brevemente, por aquela Cooperativa.

Para isso, a Administração solicitou a colaboração dos presidentes das Juntas de Freguesia de Amarante, no sentido de poderem ajudar na divulgação e sinalização de eventuais “fregueses” para o SAD. 

De acordo com o presidente do Conselho de Administração, Carlos Pereira, citado pelos serviços de imprensa da Cercimarante, este novo serviço “é inovador, na região, e irá abranger todo o concelho de Amarante, destinando-se a apoiar 24 pessoas com deficiência ou incapacidade (PCDI)”. Será assegurado por três assistentes e uma diretora técnica.

Carlos Pereira acrescenta que “a ideia para este serviço surgiu depois de, nas conversas tidas com familiares de alguns dos clientes da Cercimarante, perceber que existiam várias pessoas com esta necessidade: umas porque não tinham qualquer retaguarda familiar e outras porque, apesar de ainda se encontrarem a cargo dos seus familiares, estes, face à sua idade avançada não reúnem as melhores condições para lhe prestarem o apoio que os seus filhos com uma condição especial, exigem e merecem”.

No futuro, esta a nova oferta poderá, igualmente, abranger pessoas com doença mental, “que constituem uma preocupação cada vez maior” ao nível dos Serviços de Apoio Social, disse Carlos Pereira.

CONTINUAR A LER

Deixe um Comentário

Pode Também Gostar